Total de visualizações de página

Pesquisar este blog

29 de outubro de 2011

LULA É DIAGNOSTICADO COM CÂNCER NA LARINGE E PASSARÁ POR QUIMIOTERAPIA

Ex- Presidente Lula grande ícone do Cenário Político do Brasil

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi diagnosticado com um tumor na laringe e passará por tratamento de quimioterapia. As informações foram divulgadas pelo Hospital Sírio-Libanês, nesse sábado (29).

Fonte: www.jb.com.br

COM DOIS MESES DE ATRASO, PAGAMENTO DE PRÊMIO PODE SAIR


Gratificação por produtividade deveria ter sido paga em setembro


Depois de quase dois meses de atraso em relação aos pagamentos realizados desde 2003, o governo de Minas ainda não acenou oficialmente quando o funcionalismo irá receber o prêmio por produtividade. O prazo estendido, inédito desde que o PSDB assumiu o governo, vem sendo criticado pelas categorias.
Somente agora surge uma possibilidade de o governo anunciar, nos próximos dias, a data para o pagamento do benefício.
Na última quarta-feira, o Executivo teria comunicado que seria anunciada a data para o pagamento do benefício. A informação, segundo interlocutores, foi repassada durante reunião da comissão - formada por representantes do governo, pelo sindicato que representa os profissionais da educação e por deputados - para tentar um acordo sobre a política salarial dos professores que estiveram em greve até o mês passado.
Alguns deputados presentes no encontro confirmaram que o secretário de Governo, Danilo de Castro (PSDB), atestou que, em breve, seria anunciada uma solução para o impasse do pagamento. Castro teria garantido que "vai resolver tudo" na próxima semana.
O secretário não confirmou a intenção à reportagem, mas disse que não está fora de cogitação uma definição sobre a pendência. "Nós estamos fazendo o possível para pagar o quanto antes", alegou Castro.
Meta. Neste ano, deverão ser empenhados R$ 497 milhões para aproximadamente 363 mil servidores que atingiram as metas traçadas pela administração do Estado. Desde que foi criada, há oito anos, o Executivo trata a gratificação como trunfo. O valor do prêmio não é o mesmo para todos os trabalhadores.
  
 CATEGORIA QUESTIONAM REGRAS

A gratificação por produtividade dos servidores públicos estaduais de Minas é avaliada por algumas categorias como maléfica à valorização, pois não define um vencimento fixo. Para o diretor de política do Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público de Minas, Geraldo Henrique, a gratificação "vai contra os anseios dos servidores porque eles não podem ser medidos por números".
 Fonte: www.otempo.com.br

16 de outubro de 2011

QUEN-QUEN E PEZÃO SÃO TRANSFERIDOS PARA PENITENCIÁRIA NO INTERIOR DE MINAS

A transferência dos dois criminosos foi confirmada no final da manhã pela Subsecretaria de Administração Prisional (Suapi)

Maristela Bretas e Álvaro Castro - Do Portal HD * - 14/10/2011 - 10:34. Última Atualização: 11:59

Já estão a caminho da Penitenciária de Segurança Máxima de Francisco Sá, no Norte de Minas, os criminosos Ângelo Gonçalves de Miranda Filho, de 29 anos, o "Pezão" , e Bruno Rodrigues de Souza, de 22 anos, conhecido como "Quen-Quen". A transferência ocorreu às 8h30 desta sexta-feira (14).

A informação foi confirmada em nota oficial divulgada no final da manhã pela Subsecretaria de Administração Prisional (Suapi)  Os presos foram escoltados por um comboio de cinco veículos. Ainda segundo a nota, "a escolha da Penitenciária de Francisco Sá levou em consideração o grau de periculosidade dos presos.  A unidade prisional é considerada a mais segura do Estado. Ela está localizada numa área isolada, onde não há sinal de telefonia celular e nem de televisão. As celas são individuais com segurança redobrada."

Considerado líder do PCC mineiro, Pezão estava preso na Penitenciária de Segurança Máxima Nelson Hungria, em Contagem, na Região Metropolitana da Capital. Já o comparsa dele, Quen-Quen, estava no Centro de Remanejamento Prisional (Ceresp) São Cristóvão, no Bairro Lagoinha, Região Noroeste de BH.

Pezão e Quen-Quen encabeçavam a lista dos bandidos mais procurados de Minas Gerais e foram capturados no litoral paulista após a divulgação de cartazes do Programa Procura-se, pela Seds.

O primeiro é apontado como um dos chefes do PCC em Minas e dava ordens para as ramificações da organização no Estado e em São Paulo. A quadrilha dele O grupo atuava com o tráfico de drogas em várias cidades do interior e da capital.

Quen-Quen", braço direito de Pezão, estaria envolvido em um tiroteio na Avenida Cristiano Machado, no Bairro Guarani, Região Nordeste de BH, em 26 de agosto. Na ocorrência, um agente penitenciário morreu e um policial civil ficou ferido.

12 de outubro de 2011

NOTÍCIAS SOBRE A SITUAÇÃO DA ISONOMIA SALARIAL DOS AGENTES PENITENCIÁRIOS


SUAPI CRIA NO FACEBOOK A FANPAGE DO SISTEMA PRISIONAL MINEIRO

CLIQUE NA IMAGEM ABAIXO


CINCO DOS DOZE CRIMINOSOS MAIS PERIGOSOS DO ESTADO SÃO PRESOS EM TRÊS DIAS

Coletiva de Imprensa da SEDS
Cinco dos doze criminosos mais procurados do Estado foram recapturados em menos de três dias e apresentados nesta segunda (10/10) e na última sexta-feira (07/10). Ângelo Gonçalves de Miranda Filho, o Pezão e Bruno Rodrigues de Souza, o Quem-Quem, foram presos no litoral de São Paulo depois de mais de dois meses de investigação da Polícia Civil. Já Carlos Henrique Edvandro Beirão Aragão, o Caique, Mauro Pereira da Silva, o Gordo, e Edna dos Santos Rodrigues, foram detidos após o lançamento da campanha Procura-se, na última terça-feira.

 
O programa consiste na fixação de cartazes de criminosos em áreas de grande circulação do Estado com o objetivo de promover denúncias da sociedade ao 181 Disque Denúncia e qualificar a atuação das polícias. O Procura-se é um projeto da Secretaria de Estado de Defesa Social (Seds), em parceria com a Polícia Civil, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros Militar e Instituto Minas pela Paz.
edna.jpg
Detenta Edna
Edna dos Santos Rodrigues, a única mulher integrante da lista dos 12 criminosos mais procurados pela polícia, foi presa na noite da última sexta-feira no município de Sabará, Região Metropolitana de Belo Horizonte, após denúncia anônima de sua localização. Edna tem 39 anos e é acusada dos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico de drogas. Apesar de nunca ter sido presa, Edna uniu-se a uma quadrilha criando uma facção criminosa responsável pelo tráfico de drogas e homicídios no Bairro Paulo VI, na região Leste de Belo Horizonte. Ela tem um mandado de prisão temporária expedido pela 1ª Vara de Tóxicos da comarca de Belo Horizonte. 
 
Carlos Henrique Edvandro Beirão Aragão, o Caique, tem 24 anos e responde processos por formação de quadrilha, tráfico de drogas, associação para o tráfico de drogas, homicídio consumado e tentado. Caique se entregou na noite de quarta-feira (05/10) ao Departamento de Investigações de Crime Contra a Pessoa, da Polícia Civil, no Bairro São Cristóvão, alegando medo ao ter visto sua foto exposta nos cartazes. Ele se apresentou, inclusive, levando em mãos um jornal com sua foto estampada. Carlos Henrique foi preso e encaminhado ao Ceresp São Cristóvão.

caique_e_gordo.jpg
Detentos Caique e o Gordo
Já Mauro Pereira da Silva, o Gordo, 32 anos, é um dos líderes do tráfico de drogas no bairro Paulo VI, na região Leste da capital. É investigado pelo Departamento de Investigações Antidrogas pelos crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico de drogas, fabricação de substâncias entorpecentes e posse de armas. Mauro foi preso em uma operação da Polícia Militar, após denúncias anônimas recebidas. Após as denúncias, policiais militares da Companhia Tático Móvel do 40º Batalhão o prenderam, também na noite de quarta-feira, no bairro Ipê Amarelo, em Esmeraldas. Mauro já se encontra no Ceresp São Cristóvão desde a tarde de quinta-feira. 
 
Bruno Rodrigues de Souza, o Quem-Quem, 22 anos, era um dos criminosos mais procurados pelas forças policiais do Estado de Minas Gerais. Nascido em Teófilo Otoni, tornou-se um dos líderes do comércio ilícito de drogas na região Noroeste de Belo Horizonte, mais precisamente no bairro Califórnia. Bruno tem ligações com o PCC - Primeiro Comando da Capital, facção criminosa de São Paulo. Quem-Quem foi preso em uma operação da Polícia Civil em São Paulo, na cidade de Praia Grande. Equipes da PCMG estavam no local desde o último domingo, depois de dois meses de investigação. Quem-Quem caminhava pela praia, acompanhado da família e não resistiu à prisão.

Ângelo Gonçalves de Miranda Filho, o Pezão, 29 anos, é considerado o número 1 em representatividade do PCC em Minas Gerais e integrante da quadrilha do “Quem-quem”. Responde a vários processos pelos crimes de homicídio, tentativa de homicídio, formação de quadrilha, porte ilegal de arma de fogo, roubo, tráfico de drogas e associação para o tráfico de drogas. Pezão foi preso em uma operação da Polícia Civil em São Paulo. Equipes da PCMG faziam investigação no local desde o último domingo.

Procura-se

O programa Procura-se tem o objetivo de efetivar a prisão de criminosos foragidos da Justiça, e inibir a sua circulação, por meio da participação da sociedade. Nesta primeira fase, o Procura-se começa pela 1ª Região Integrada de Segurança Pública (RISP), sendo que, posteriormente, se estenderá para todo o Estado de Minas Gerais. Todos os meses serão escolhidos 12 alvos para serem procurados.

A atuação do Procura-se consiste em espalhar cartazes pela cidade de Belo Horizonte e cidades pólos do interior de Minas com fotos dos criminosos procurados. Em um segundo momento, será feita a divulgação de um hotsite contendo fotos e informações dos principais criminosos foragidos e com mandado de prisão em aberto, lotado no site da Seds. Este hotsite vai potencializar a divulgação dos criminosos, para que a população passe as informações por meio do telefone 181, de modo a contribuir com a ação policial imediata de prisão ou de apuração e investigação dos casos. 

Fonte: www.seds.mg.gov.br

COMISSÃO É FAVORÁVEL AO DIA DO PROFISSIONA DE SEGURANÇA

Deputados aprovaram nesta terça (11) parecer favorável ao Dia do Profissional de Segurança Pública.
    A Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa de Minas Gerais aprovou, nesta terça-feira (11/10/11), quatro requerimentos, todos do deputado Sargento Rodrigues (PDT), e parecer favorável de turno único ao Projeto de Lei (PL) 1.836/11, que institui o Dia do Profissional de Segurança Pública no Estado.
De autoria dos deputados Elismar Prado (PT) e Sargento Rodrigues, o PL estabelece a comemoração para o dia 24 de junho, data que relembra a morte do cabo Valério dos Santos de Oliveira, alvejado com um tiro, em plena Praça da Liberdade, em Belo Horizonte. Ele foi considerado mártir do movimento realizado por policiais militares, em 1997, com o objetivo de reivindicar tratamento isonômico por parte do governo do Estado aos oficiais da corporação.
O relator do projeto, deputado Cássio Soares (PRTB), justificou a importância do fato alegando que ele "inspirou novos movimentos policiais por todo o País e, por consequência, forçou a realização das primeiras reformas que as organizações policiais brasileiras sofreram desde a emergência do Estado Democrático de Direito, em 1988”.

Fonte: www.almg.gov.br

10 de outubro de 2011

AMEAÇAS A SERVIDORES DE SEGURANÇA PÚBLICA MOTIVAM REUNIÃO

Na manhã desta sexta-feira (7/10/11), a Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa aprovou dois requerimentos, sendo que um solicita reunião para conhecer e discutir a denúncia de existência de servidores das forças de segurança pública estadual ameaçados de morte por bandidos em Minas Gerais. A reunião também pretende discutir o Projeto de Lei (PL) 1.353/11, do deputado Durval Ângelo (PT), que dispõe sobre a proteção, auxílio e assistência aos policiais e bombeiros militares, policiais civis e agentes penitenciários do Estado. O requerimento é de autoria dos deputado Sargento Rodrigues (PDT) e Sebastião Costa (PPS).

Também foi aprovado requerimento dos deputados João Leite (PSDB), Sargento Rodrigues e Sebastião Costa, em que solicitam que seja encaminhada manifestação de aplauso à Polícia Civil de Minas Gerais pela captura, no Estado de São Paulo, de Bruno Rodrigues de Souza (Quén-Quén), Ângelo Gonçalves de Miranda Filho (Pezão) e Genilson Santana Dias.

8 de outubro de 2011

PEZÃO SE ENVOLVE EM CONFUSÃO NO CERESP DE SÃO CRISTOVÃO E É ALVEJADO COM TIRO POR UM AGENTE

 
Após quatro dias de ser preso em um apartamento de luxo de Santos, no litoral de São Paulo, um dos criminosos mais perigosos de Minas Gerais se envolveu em uma confusão dentro do Centro de Remanejamento de Presos (Ceresp) São Cristóvão.
De acordo com a assessoria de imprensa da Secretaria de Estado de Defesa Social (Seds) , Ângelo Gonçalves de Miranda Filho, de 29 anos, conhecido como Pezão ou Anjinho, foi baleado por um agente penitenciário, que agiu em legítima defesa.
Segundo a Seds, Pezão fingiu que estava passando mal e, quando foi atendido, agrediu os agentes penitenciários. No calor da confusão, um dos agentes disparou um tiro de borracha contra a parede. No entanto, o cartucho voltou e atingiu o braço do criminoso.
Devido ao ocorrido, Pezão foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Belo Horizonte, onde passa por um exame de corpo de delito na manhã deste sábado (8). Após o procedimento, Pezão será ouvido pela Polícia Civil. O prazo para que o depoimento de Ângelo Gonçalves seja colhido termina na próxima terça-feira (11).
Assim que a investigação da PC for liberada, Anjinho será transferido para uma unidade prisional de segurança máxima da Subsecretaria de Administração Prisional
(Suapi).
Nessa sexta-feira (7), a prisão de Pezão foi classificada pela Polícia Civil como o enfraquecimento das relações entre a quadrilha mineira liderada por ele e a principal facção criminosa paulista. Com mais de 50 integrantes, a quadrilha do criminoso é considerada uma das mais perigosas de Minas, agindo em Belo Horizonte e em outras cinco cidades da região metropolitana e do interior.
Atualizada às 11h52.

6 de outubro de 2011

QUEM-QUEM E PEZÃO DESEMBARCAM EM BELO HORIZONTE E VÃO PARA UNIDADE PRISIONAL


Os dois foragidos da Justiça, integrantes da lista dos 12 criminosos mais procurados da polícia mineira, Bruno Rodrigues de Souza, o Quem-Quem, e Ângelo Gonçalves de Miranda Filho, conhecido como Pezão, desembarcaram por volta das 23h15 desta quinta-feira, no Aeroporto da Pampulha, em Belo Horizonte. A dupla estava no litoral paulista, onde foi presa nessa quarta-feira.

Para fazer a condução dos suspeitos do aeroporto até o Departamento de Investigações, a Polícia Civil usou um efetivo de 48 policiais e 12 viaturas. Dentre os policiais presentes na ação, estava o sub-tenente Paulo, que havia sido baleado nas costas pelo próprio Quem-Quem, em uma ação na favela Sovaco das Cobras, no bairro Califórnia, região Noroeste de BH, em agosto deste ano.


A dupla foi levada para o Departamento de Investigações, onde foi formalizado os mandados de prisão. Em seguida, eles foram para o Instituto Médico legal (IML), onde passaram por exame de Corpo de Delito, e depois encaminhados para uma unidade prisional onde passam a noite.


De acordo com a Polícia Civil, está prevista a apresentação dos dois suspeitos para esta sexta-feira às 10h, quando será explicado os detalhes da operação, dos dois suspeitos e dos crimes que eles cometeram. Ainda nesta sexta, segundo a PC, eles vão prestar depoimento.


A expectativa da chegada da dupla em Minas foi aguardada desde a manhã desta sexta-feira, quando a foi autorizada a transferência deles pela Justiça de Santos, no Estado de São Paulo. A dupla foi presa na tarde dessa quarta-feira (5) na cidade de Praia Grande, no interior paulista, após trabalho investigativo feito pela Polícia Civil de Minas.


Eles saíram de São Paulo em um avião da Polícia Civil por volta das 22h desta quinta, desembarcando pouco depois da hora prevista inicialmente. O armamento encontrado com Pezão, em um apartamento de Santos, passará por um exame de balística para comparar com os projéteis encontrados no corpo das oito vítimas, que teriam sido assassinadas por ele.


Histórico

Quem-Quem foi indiciado pela morte do agente penitenciário Ronaldo Miranda de Paula, de 43 anos, executado com 11 disparos após uma troca de tiros ocorrida no bairro Guarani, na região Norte de Belo Horizonte, no dia 26 de agosto deste ano.

O criminoso estava foragido da penitenciária de Teófilo Otoni, no Vale do Mucuri, onde é acusado de planejar a morte de um juiz. Além disso, Bruno Rodrigues é tido como um dos braços mineiros de uma facção criminosa de São Paulo e é um dos principais responsáveis pelo tráfico de drogas em Teófilo Otoni e no bairro Califórnia, em BH.


Quem-Quem também era um dos integrantes da lista dos 12 criminosos mais procurados de Minas, que foi divulgada nessa terça-feira (4) pela Secretaria de Estado de Defesa Social (Seds).


Já Ângelo Gonçalves de Miranda Filho, o Pezão, é acusado de tentativa de homicídio, homicídio, tráfico de drogas, roubo, formação de quadrilha e porte ilegal de arma de fogo.

Fonte: www.otempo.com.br 

DETENTOS DE MINAS GERAIS FARÃO PROVA DO ENEM EM NOVEMBRO

Os responsáveis pedagógicos das unidades prisionais de Minas Gerais estão realizando a inscrição dos detentos para o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM). As inscrições vão até o dia 17 de outubro e as provas serão aplicadas nos dias 28 e 29 de novembro, dentro das próprias unidades, em salas especialmente preparadas. No ano passado, 221 presos participaram do exame.
Além do número do registro nas unidades prisionais, para efetuar as inscrições é imprescindível a apresentação do Cadastro de Pessoa Física (CPF) dos presos. Desde março do ano passado a Secretaria de Estado de Defesa Social (Seds) mantém convênio com a Receita Federal para regularização do CPF e RG da população prisional. Servidores das unidades prisionais são treinados no processo de regularização dos documentos e, hoje, 8010 presos têm o CPF regularizado e lançado no Infopen.

O subsecretário de Administração Prisional, Murilo Andrade de Oliveira, reforça o empenho do sistema prisional para viabilizar a realização do exame pelas pessoas que estão privadas de liberdade. “A realização do ENEM vai ao encontro da política de humanização, que tem duas vertentes principais, que são o estudo e o trabalho. A prova traz aos presos a oportunidade de galgar novos sonhos, inclusive ingressar no ensino superior”, afirma.


Sucesso

Frederico Martins Pádua Alves, de 28 anos, está preso na Penitenciária José Maria Alkimin, em Ribeirão das Neves, e é um dos presos que fizeram o ENEM o ano passado. Ele tinha concluído a 8ª série do Ensino Fundamental na escola da unidade e a pontuação que obteve no exame foi suficiente para que ele conseguisse a certificação do Ensino Médio e ganhasse uma bolsa de 50% do Programa Universidade para Todos (ProUni) para o curso de Turismo do Centro de Gestão Empreendedora (FEAD).


O curso é feito à distância e a mensalidade é paga pelo próprio detento, por meio do salário que ele recebe por trabalhar na padaria da unidade prisional. Frederico trabalha de madrugada e o dinheiro que recebe é quase integralmente utilizado para o pagamento da mensalidade. “Vale a pena com certeza absoluta. Acho que foi a melhor conquista que já tive. Foi dentro da adversidade, dentro do pior momento da minha vida, que conquistei um dos melhores”, disse.


A felicidade de ingressar no ensino superior repercute em toda a família. “Minha mãe está muito orgulhosa porque depois de muita decepção, muita angústia e sofrimento, consegui enxergar que nada daquilo valia a pena”, conta. Mas o principal ganho é a perspectiva de uma vida nova quando estiver livre. “Antes da Copa já pretendo estar trabalhando”, prevê.


Conteúdo


No primeiro dia de prova do ENEM serão avaliados os conteúdos de Ciências Humanas e Ciências da Natureza. No segundo dia o conteúdo será Linguagens, Códigos, Matemática e Redação.


As provas são diferentes daquelas do Enem regular, que acontecerá nos dias 22 e 23 de outubro, mas apresentam o mesmo nível de dificuldade. Os detentos que forem aprovados poderão concorrer a uma bolsa do Programa Universidade para Todos (ProUni) e a vagas em universidades que aceitam a nota do Enem como critério de entrada para o Ensino Superior.


Os responsáveis pedagógicos das unidades poderão acessar os resultados individuais dos participantes pelos relatórios disponibilizados no sistema de inscrição, mediante a inserção de uma senha pessoal. Caso os participantes tenham a liberdade decretada após a realização do exame, eles mesmos podem acessar os resultados.
 
Crédito foto: Carlos Alberto/ Secom MG 
Fonte: www.seds.mg.gov.br

5 de outubro de 2011

QUEN-QUEN É PRESO NO LITORAL PAULISTA, O BANDIDO MAIS PROCURADO DE MINAS GERAIS

O bandido mais perigoso e procurado de Minas Gerais foi preso pela Polícia Civil, em Praia Grande, no litoral de São Paulo, no fim da noite de terça-feira (4). O homicída Bruno Rodrigues de Souza, de 24 anos, conhecido como "Quen-Quen", estava entre os 12 criminonos mais procurados do Estado. Ele teve sua foto estampada em cartazes, na terça-feira, que foram afixados nas rodoviárias, aeroportos e outros pontos estratégicos de Belo Horizonte.



Segundo a polícia, "Quen-Quen" seria um dos braços mineiros do Primeiro Comando da Capital (PCC), organização criminosa paulista. O bandido teria vindo para Belo Horizonte em 2009, depois de ser alvo de uma operação policial em Teófilo Otoni, no Vale do Jequitinhonha e Mucuri.



"Quen-Quen" estaria envolvido em um tiroteiro na Avenida Cristiano Machado, no Bairro Guarani, Região Nordeste de BH, em 26 de agosto. Na ocorrência, um agente penitenciário morreu e um policial civil ficou ferido.



Conforme o delegado chefe do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), Edson Moreira, o acusado é uma pessoa perigosa e já teria tentado até matar uma juíza em Teófilo Otoni.

FONTE: http://www.hojeemdia.com.br/